O Tucunaré, um Caçador Destemido

O Tucunaré, um Caçador Destemido

Cichla spp.

O Tucunaré é um peixe de médio porte, com comprimento entre 30 centímetros e 1 metro, pesando entre 3 kg e 10 kg. É uma espécie territorial, curiosa e agressiva. Ele prefere as zonas de água lenta ou parada das lagoas e dos braços mortos dos rios. É um peixe voraz, que ocupa os níveis superiores das cadeias alimentares dos rios. O tucunaré é um caçador ativo que persegue a presa e após iniciar o ataque, não desiste até conseguir capturá-la. Alimenta-se de peixes de vários tamanhos, pequenos crustáceos e todo tipo de insetos que caiam na água.

Para se proteger, ou mesmo para atacar suas presas, muitas vezes o Tucunaré se abriga em estruturas submersas (troncos mortos, acumulo de vegetação aquática).

Características físicas:

O Tucunaré é um peixe de escamas, com corpo alongado e um pouco comprimido.
Sua coloração pode ser: amarelada, esverdeada, avermelhada, azulada ou quase preta, com manchas pretas e verticais distribuídas regularmente pelo corpo.
Todos os Tucunarés apresentam uma mancha redonda (ocelo) no pedúnculo caudal.

Você Sabia?

O Tucunaré é considerado o “embaixador da pesca esportiva brasileira”, por atrair muitos pescadores e pela sua importância para a promoção da atividade.
É um peixe canibal. Come os filhotes da sua própria espécie, apenas enquanto não os reconhece (as listras características da espécie só aparecem quando o peixe é mais velho).
Existem 15 tipos de Tucunaré nas águas brasileiras! No Mato Grosso o Tucunaré-azul (Cichla piquiti) e o Tucunaré-amarelo (Cichla kelberi) são os mais comuns.

O Tucunaré na pesca esportiva:

• É um peixe brigador e por isso muito cobiçado pelos pescadores
Ataca tanto iscas vivas como artificiais em movimento
O Tucunaré não aprecia águas correntes, em rios pode ser encontrado em remansos

 

O tucunaré tem um caráter combativo difícil de esquecer!